Redes Sociais

twitter facebook

ACADÉMICA-BENFICA: ALEGADO AGRESSOR OUVIDO HOJE NO DIAP

ACADÉMICA-BENFICA: ALEGADO AGRESSOR OUVIDO HOJE NO DIAP

Mensagempor Maria Coelho em 16 jul 2019, 17:16

https://www.abola.pt//img/fotos/ABOLA2015/BENFICA/2019/adeptoambulancia.JPG

O alegado autor da agressão a José Dinis, durante o jogo particular Académica-Benfica, no sábado, apresenta-se hoje no Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Coimbra para prestar declarações. Ao que A BOLA apurou, trata-se de Nuno Mendes, adepto da Académica que mora nos arredores de Coimbra.


A polícia já está na posse dos dados identificativos do suposto agressor (já identificado noutras ocasiões, também em recintos desportivos) e, dadas as provas concretas do momento da agressão, reencaminhou o processo para o Ministério Público que, com base nesses dados ou até no relatório do árbitro - se nele constar o incidente, algo que parece óbvio até pelo facto de o jogo ter estado interrompido cerca de sete minutos… -, poderá deduzir a respetiva acusação.


Na moldura penal portuguesa, e se o caso chegar a tribunal, poderão estar em causa, pelo menos, dois crimes. O primeiro, talvez até o mais provável, o crime de ofensa à integridade física, seja na forma simples ou qualificada. Mas a situação poderá ser mais grave caso a acusação deduzida seja a de tentativa de homicídio. A causa do dano, que será determinada através do relatório pericial médico, poderá ser decisiva.



O lesado pode, em simultâneo, pedir uma indemnização ao alegado agressor, por danos patrimoniais e não patrimoniais. A BOLA também sabe que José Dinis apresentará uma queixa-crime.



O adepto do Benfica continua internado no Serviço de Ortopedia do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra. José Dinis foi empurrado enquanto esperava que passasse um grupo de adeptos da Académica, escoltados pela polícia. Na queda, fraturou a vértebra D12 da coluna e ainda não se sabe se terá de ser operado, situação que só deverá ser clarificada nos próximos dias pelo corpo clínico que está a acompanhá-lo.


Pode ser banido

O alegado agressor pode também sofrer sanções desportivas e ser punido pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ). Nesse capítulo, e perante a decisão tomada, o cidadão em causa poderá ser impedido de frequentar recintos desportivos durante um eventual período de tempo ou, no limite, ser mesmo banido.

In A Bola
Maria Coelho
Moderador
Moderador
 
Mensagens: 11827
Registado: 13 mai 2019, 22:05

{ SO_SELECT }

{ SHARE_ON_FACEBOOK } Facebook { SHARE_ON_TWITTER } Twitter { SHARE_ON_ORKUT } Orkut { SHARE_ON_MYSPACE } MySpace

«AGRESSOR ARRISCA 12 ANOS DE CADEIA» - CORREIO DA MANHÃ

Mensagempor Maria Coelho em 16 jul 2019, 17:17

https://www.abola.pt//img/fotos/abola2015/BENFICA/2019/adeptoambulancia.JPG

«Empurrão no estádio municipal de Coimbra: Nélson tem 37 anos e foi pai há pouco tempo; pode vir a responder por ofensa à integridade física grave e qualificada. Já foi constituído arguído», diz o Correio da Manhã.

In A Bola
Maria Coelho
Moderador
Moderador
 
Mensagens: 11827
Registado: 13 mai 2019, 22:05

ALEGADO AGRESSOR ESTÁ A SER INTERROGADO NO DIAP

Mensagempor Maria Coelho em 16 jul 2019, 19:00

https://www.abola.pt//img/fotos/abola2015/BENFICA/2019/adeptoambulancia.JPG

Tal como A BOLA avançou na sua edição impressa desta terça feira, o alegado agressor de José Dinis, nos incidentes ocorridos no passado sábado, durante o jogo entre a Académica e o Benfica, no Estádio Cidade Coimbra, está na manhã desta terça feira a ser interrogado no Departamento de Investigação e Ação Penal de Coimbra (DIAP).



Nélson Mendes, o alegado agressor, chegou ao DIAP ainda antes das 9 horas, mas só a meio da manhã é que começou a ser interrogado pelo Ministério Público.



Findo o interrogatório, deverão ser conhecidas as eventuais medidas de coação.

In A Bola
Maria Coelho
Moderador
Moderador
 
Mensagens: 11827
Registado: 13 mai 2019, 22:05

ALEGADO AGRESSOR SAIU EM LIBERDADE

Mensagempor Maria Coelho em 16 jul 2019, 19:10

https://www.abola.pt//img/fotos/abola2015/BENFICA/2019/adeptoambulancia.JPG

Terminado o interrogatório do Ministério Público (MP), que decorreu na manhã desta terça-feira no DIAP de Coimbra, Nélson Mendes, alegado agressor de José Dinis no Académica-Benfica de sábado, saiu em liberdade.

Ministério Público decretou ao arguido a medida de coação mínima, ou seja, termo de identidade e residência.



O processo seguirá trâmitres legais, sendo que caberá ao MP decidir se vai ou não deduzir acusação.

In A Bola
Maria Coelho
Moderador
Moderador
 
Mensagens: 11827
Registado: 13 mai 2019, 22:05


Voltar para Imprensa Desportiva

Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes