Página 1 de 1

Paulo Bento destaca importância de esconder o jogo na Suécia

MensagemEnviado: 22 Oct 2013, 00:24
por admin
http://www.abola.pt/img/fotos/seleccao/2012-2013/paulobento2.jpg

Paulo Bento relativiza o facto de Portugal iniciar a discussão do play-off de apuramento para o Mundial com a Suécia na condição de anfitrião, identificando como principal ponto contra a contingência do último treino antes do segundo jogo ocorrer em território inimigo.

«[Jogar primeiro em casa] Não me parece que seja uma coisa positiva ou negativa. Poderá ter alguns aspetos positivos. Há um que naturalmente não é positivo: o facto de o último treino antes do segundo jogo não poder ser feito em casa. Sendo o segundo jogo fora e tendo de treinar no campo do adversário, em termos de estratégia tem alguma limitação. Teremos de antecipar essa preparação mas não será nunca um fator de inibição para esgotarmos todas as nossas possibilidades, que são muitas, de estar no Mundial de 2014», afiança o timoneiro da equipa das Quinas, projetando «uma eliminatória competitiva, contra uma equipa que tem uma grande referência no seu jogo como é Ibrahimovic».

Realça, contudo, que a Suécia «não vale apenas» por ter nas suas fileiras o goleador do Paris Saint-Germain.

«É uma equipa forte coletivamente, que tem estado nos grandes eventos como as fases finais dos Mundiais», nota Paulo Bento, que não faz segredo da receita para o duplo embate com a formação nórdica:

«Teremos de competir da melhor maneira para alcançarmos o objetivo que pretendemos, que é estar no Brasil em 2014. Estamos cientes das dificuldades que vamos encontrar, mas convictos de que vamos estar no Brasil. Para isso teremos de fazer dois bons jogos e competir como tem de competir uma grande equipa».

In A Bola